Como verificar a qualidade das faculdades no exterior?

Enviar os filhos para estudar no exterior é uma hipótese considerada por um número cada vez maior de famílias brasileiras. Existem aquelas grandes universidades que custam muito caro e que têm acesso muito restrito (essas são para poucos). Por outro lado, existem opções de outras escolas excelentes. Escolher a universidade certa é, portanto, uma das mais importantes tarefas de quem está pensando sobre esse assunto.

Uma forma é descobrir se uma universidade possui a qualidade esperada é verificar suas credenciais. Como fazer isso? Uma maneira é se informar se ela possui certificações emitidas por órgãos internacionais que avaliam a qualidade, a organização, o ensino e a filosofia dessas instituições. Algumas dessas certificações são referência internacional, e elas ajudam muito nessa questão.

2018-12-11-SKEMA_ESTUDAREXTERIOR_BLOGPOST

Para quem pensa em estudar na Europa, por exemplo, é interessante verificar se a instituição possui a certificação EQUIS (European Quality and Improvement System), que mede a qualidade do corpo docente e da pesquisa, o alcance mundial e o relacionamento da instituição de ensino com a comunidade empresarial.

Outra dessas certificações é a americana AACSB, que é a sigla da Associação para o Avanço das Escolas de Negócios. A AACSB avalia a excelência da instituição de acordo com o nível acadêmico de seu corpo docente, a qualidade de seus programas de ensino, a relevância de sua estratégia de gestão e os meios de sua implementação.

Há, também, a certificação AMBA (Association of MBAs), sediada em Londres (Inglaterra), que é dedicada, como seu nome indica, à avaliação da qualidade dos programas de MBA Executivos oferecidos por instituições de ensino mundiais. É uma distinção que representa o mais alto nível em termos de pós-graduações em educação de negócios, conferida apenas aos melhores programas.

Pode acontecer de uma universidade ter uma dessas certificações, o que é realmente muito bom. Mas apenas 1% das universidades mundiais possuem todas as três certificações. Entre elas, está a SKEMA, a inovadora escola de negócios francesa formada em 2009 e que, em menos de 10 anos, expandiu sua atuação de forma global, operando hoje com seis sedes na França, uma nos Estados Unidos, outra na China, além de parcerias com dezenas de escolas ao redor do mundo. A SKEMA também foi eleita, em 2018, a 4ª melhor escola de negócios do mundo pelo jornal inglês Financial Times.

2018-12-11-SKEMA_ESTUDAREXTERIOR_BLOGPOST02

A SKEMA opera no Brasil desde 2015 em Belo Horizonte, onde chegou por meio de parceria com a Fundação Dom Cabral (outra escola de negócios reconhecida mundialmente). Desde então, cerca de 1.200 estudantes de pós-graduação de todo o mundo cumpriram semestres de intercâmbio na cidade mineira, incluindo, nesse segundo semestre de 2018, 92 estudantes de 16 nacionalidades.

A SKEMA acaba de lançar seu primeiro curso de graduação (Gestão em Negócios Globais) para o mercado brasileiro. A vantagem é que o aluno começa a estudar no Brasil, onde faz os dois primeiros anos do curso, podendo, a partir do terceiro ano, optar por concluí-lo em outras unidades da SKEMA na França, Estados Unidos ou China, ou em muitas outras faculdades associadas em todo o mundo.

Para saber mais sobre esse curso e as oportunidades que ele oferece, consulte-nos!

 

Deixe uma resposta